Revista Fator Brasil | A PADF (Portuguese)

Published March 25, 2015

A Fundação Pan-americana de Desenvolvimento (PADF) foi fundada pela Organização dos Estados Americanos, em 1962, como uma entidade sem fins lucrativos que promove programas de desenvolvimento socioeconômico e assistência aos desastres naturais na América Latina e no Caribe.

Por 50 anos a PADF tem provado ser capaz de criar programas inovadores que causam grandes mudanças na América Latina. A fundação tem gerado resultados impressionantes, beneficiando mais de dez milhões de pessoas em 22 países durante o ano de 2013. Hoje, a PADF continua a representar a visão dos seus fundadores: fomentar a solidariedade interamericana.

Os programas são desenvolvidos para: .Criar oportunidades econômicas |.Promover progresso social| . Fortalecer comunidades e sociedade civil |.Dar suporte aos desastres naturais.

Trabalho no Brasil - A PADF trabalha no Brasil há mais de uma década com a ajuda de empresas e parceiros que atuam em diversos projetos incentivando a alfabetização, a educação, a saúde e o bem-estar das crianças além de cuidados com idosos e suporte em casos de desastres naturais.

O setor privado também contribui com a Organização dos Estados Americanos no suporte aos desastres naturais. Em 2011, durante as inundações no Rio de Janeiro, a PADF prestou auxílio por meio de sua parceira Viva Rio, uma organização local. Com o suporte das parceiras privadas, como a Fundação Caterpillar e as Linhas de Cruzeiro Royal Caribbean, bem como doadores individuais, a PADF tem implementado medidas de recuperação para a área de Teresópolis.

Suporte e recuperação em casos de desastres naturais.: Esta ação promove: .Cuidados médicos, dentais e psicológicos|. .Redução de riscos epidemiológicos, diminuição de traumas e cuidados básicos para a comunidade |.Criação de uma brigada na comunidade treinada para dar suporte aos desastres naturais.

Suporte à alfabetização - A PADF auxilia a Associação de Alfabetização Solidária (AlfaSol), uma ONG altamente prestigiada e experiente com foco no combate ao analfabetismo no Brasil, América Latina e África, que promove esforços para aumentar o índice de alfabetizados e proporciona formação técnica aos jovens das áreas mais humildes do Brasil. A Alfasol é reconhecida pelo seu modelo de ação inovador e eficiente, que se utiliza de uma extensa rede de parceiros em diferentes setores ao promover alta qualidade de serviço em larga escala.

Os objetivos do projeto incluem: . Promover aulas de alfabetização no Rio de Janeiro para pessoas com 15 anos ou mais dar treinamento aos professores para poderem lecionar cursos de alfabetização com duração de oito meses.

Beneficiar pessoas em comunidades nas quais o crescimento não planejado tenha causado problemas sociais como desemprego juvenil, drogas e violência.

Conservação das florestas do Brasil - A PADF tem trabalhado para preservar as áreas nativas da Mata Atlântica no litoral sul do Brasil. Isso acontece graças ao apoio financeiro da Boeing e das Linhas de Cruzeiro Royal Caribbean, além da parceria com a ONG Sociedade de Pesquisa em Vida Selvagem e Educação Ambiental (SPVS).

Esses esforços estão ajudando a implementar as seguintes ações:. Preservação dos territórios restantes de florestas nativas de Araucárias através da educação e da parceria com proprietários |.Contribuição para a conservação da biodiversidade da Mata Atlântica |.Sensibilização de crianças em relação aos cuidados com o meio ambiente |.Fornecimento de suporte à comunidade

Prestação de apoio a uma associação de ecoturismo de base comunitária em Guaraqueçaba, Paraná, em um esforço para aumentar a geração de renda dos cooperados e suas famílias, promovendo a conservação contínua da natureza com o uso sustentável de recursos naturais da área. 

A Caterpillar aprovou recentemente um programa que doará durante dois anos o valor de 500 mil dólares para promover a proteção de áreas naturais localizadas no sul do Brasil, a fim de melhorar a qualidade de vida da população em relação ao seu ambiente. O projeto vai procurar aumentar o número de áreas verdes urbanas geridas adequadamente através de boas práticas ambientais no município de Campo Largo. Além disso, por meio de oficinas, apoio pedagógico aos professores e crianças e outras atividades com os membros da comunidade, o projeto vai aumentar o conhecimento dos cidadãos sobre a conservação e sua importância além de capacitá-los para se tornarem ativos na proteção de suas áreas verdes.