Canada

O Canadá e a PADF melhoram as instalações médicas e educacionais no abrigo que assiste aos refugiados venezuelanos em Boa Vista, Roraima.

Read in English

Washington, DC (30 de outubro de 2017) – A Ministra das Relações Exteriores do Canadá Chrystia Freeland, em uma reunião do Grupo de Lima, realizada em Toronto, anunciou a quinta-feira, 26 de outubro, que o Governo do Canadá e a Fundação Pan-Americana para o Desenvolvimento (PADF) trabalharão juntos para melhorar as instalações médicas e educacionais para imigrantes e refugiados venezuelanos no estado de Roraima, Brasil.

Como consequência da crise política, econômica e humanitária na Venezuela, cerca de trinta mil venezuelanos e venezuelanas já imigraram para o Brasil e a maioria tem decidido se estabelecer no estado de Roraima. Eles precisam de abrigo, atenção médica, educação e outros serviços. Graças ao apoio do Canadá, a PADF fornecerá uma escola e uma clínica para o maior abrigo no estado, o Centro de Referência ao Imigrante, localizado no bairro Pintolândia em Boa Vista, capital do estado.

“Os venezuelanos e as venezuelanas que fugiram das péssimas condições na Venezuela têm buscado refúgio em Boa Vista”, disse Luisa Villegas, Diretora Sênior Assistente de Programas na PADF. “Porém, os serviços públicos voltados à população estão sobrecarregados pelo fluxo de recém-chegados. A nova clínica e a escola terão espaços privados dedicados a atenção médica e a aprendizagem, servindo a centenas de pessoas deslocadas pela crise no seu país natal”.

“Nós devemos continuar apoiando a população venezuelana – em defesa dos seus direitos humanos e suas necessidades básicas” disse a Honoravel Chrystia Freeland, P.C., M.P., Ministra das Relações Exteriores do Canadá. “E à luz do fato de que os efeitos da crise se espalharam além das fronteiras da Venezuela, o Canadá também fornecerá aproximadamente CAD $ 35,000 para melhorar os serviços de saúde e educação prestados aos 480 venezuelanos abrigados no Centro de Referência ao Imigrante, em Boa Vista, no Brasil.”

O abrigo atual é um ginásio que foi convertido em abrigo que, atualmente, carece de espaços para a educação e para os serviços médicos. As instalações proporcionadas pela PADF levarão comodidades modernas, materiais educativos e suprimentos médicos.

O Centro de Referência ao Imigrante fica a cargo de missionários e voluntários da Fraternidade – Federação Internacional Humanitária. É o maior abrigo no estado de Roraima e atualmente aloja 480 imigrantes e refugiados venezuelanos, dos quais aproximadamente 75% são indígenas e 50% são crianças e jovens. A clínica e a escola são duas das várias necessidades que o Centro tem, como consequência do fluxo de recém-chegados que precisam de ajuda.

Esse apoio é parte de um esforço maior por parte da PADF para responder à crise de imigrantes e refugiados no Brasil. Como uma organização sem fins lucrativos, filiada à Organização dos Estados Americanos (OEA), a PADF está liderando uma campanha internacional para ajudar às instituições locais e ao esforço de auxílio aos refugiados. A PADF já lançou uma campanha para arrecadar US$100.000 para apoiar aos abrigos locais e aos venezuelanos refugiados através de contribuições de instituições governamentais, fundações, entidades filantrópicas e pessoas físicas.

Para mais informações sobre este projeto, visite a www.padf.org/helpmigrants

Canada and PADF to Improve Education, Medical Facilities in Brazilian Shelter Serving Displaced Venezuelans

Leia em português.

Washington, D.C. (Oct. 30, 2017)– The Minister of Foreign Affairs of Canada, the Honourable Chrystia Freeland, announced Thursday at a meeting of the Lima Group in Toronto that the Government of Canada and the Pan American Development Foundation (PADF) will partner to improve education and medical facilities for Venezuelan migrants and refugees in the Brazilian state of Roraima.

In the wake of the political, economic and humanitarian crises in Venezuela, an estimated 30,000 Venezuelans have emigrated to Brazil, and the majority have settled in the northern state of Roraima. They urgently need shelter, medical care, education and other services. Thanks to Canada’s support, PADF will provide a school and a medical clinic to the state’s largest shelter, the Immigrant Reference Center, located in the state capital Boa Vista.

“Venezuelans fleeing poor conditions have sought refuge in Boa Vista,” said Luisa Villegas, Deputy Senior Programs Director of PADF. “However, local systems have been strained by the influx of recent arrivals. The new clinic and school will create private and dedicated spaces for learning and medical attention, serving hundreds of people displaced by the crisis in their home country.”

“We must continue to support the Venezuelan people – in the defense of their human rights, and in their basic human needs,” said Hon. Chrystia Freeland, P.C., M.P., Minister of Foreign Affairs, Canada. “And in light of the fact that the effects of the crisis have spread beyond Venezuela’s borders, Canada will also provide approximately CAD $35,000 to improve health and education services provided to the 480 Venezuelans sheltered at the Immigrant Reference Center in Boa Vista, Brazil.”

Facilities provided by PADF will be complete with modern amenities, classroom materials and medical supplies. The current shelter space has been converted from a gymnasium to a shelter and lacks dedicated medical and educational space.

The Immigrant Reference Center is operated by missionary volunteers from Fraternidade – International Humanitarian Federation. It is the largest shelter in Roraima and currently provides housing to 480 Venezuelan refugees and migrants, approximately three quarters of whom are indigenous. About half are under age 18. The school and clinic are two of the Center’s many needs given the influx of newcomers requiring assistance.

This assistance is part of PADF’s larger effort to respond to the Venezuelan refugee and migrant crisis in Brazil. As a 501(c)(3) non-profit organization affiliated with the Organization of American States, PADF is leading an international campaign to assist local institutional institutions and relief efforts and has launched a campaign to raise US$100,000 to support local shelters and displaced Venezuelans through contributions from government institutions, foundations, philanthropists and individuals.

For more information about this project, visit www.padf.org/helpmigrants